domingo, junho 15, 2014

Reações: 

Hoje é mais um daqueles dias que só quero deitar e chorar por horas, não consigo entender ao certo mas uma grande tristeza preenche meu perito, uma sensação ruim, um medo estranho..
Hoje eu só quero me desligar de tudo, de toda essa sensação ruim, de todo esse peso que sinto ter que carregar, coisas nem mesmo eu consigo entender..
Como uma tristeza igual a essa pode chegar de uma hora pra outra e se estalar tão de repente? Bom eu sinceramente não sei..

Nadine Souza

domingo, março 17, 2013

Reações: 

Me lembro de ficar vendo as ondas romperem na areia e por momentos me desligar de todo o mundo.. lembro-me de sonhar com alguém especial, alguém que me amasse de verdade.. Alguém que soubesse quando estivesse mentindo e do seu jeito chato me fizesse falar o que era... 
Alguém que tivesse o sorriso que acalmasse, os olhos que trasbordassem paz, alguém com um jeito encantador..
Sonhei por anos e anos..  E hoje já não preciso mais sonhar, encontrei aquele que não tinha rosto, não tinha nome, mas que tinha tudo que encontrei em você.

Nadine Souza

segunda-feira, novembro 05, 2012

Reações: 



Não sou boa para escrever, não consigo colocar os meus sentimentos em um pedaço de papel, são tantos, eles acabam se misturando ou até se perdendo.. Nunca sei por onde começar fico totalmente perdida nessa encruzilhada de sentimentos, eles se tornam mais confusos que o normal e quando tento dizer o que sinto acaba não saindo o esperado..

Isso é estranho sabe? Com você não é assim, as frases e textos vão surgindo na minha cabeça e a minha vontade é passar horas só escrevendo sobre você, sobre o quanto te amo ou até mesmo o quando me irrita o fato de você me conhecer tão bem. Às vezes fico me perguntando se isso é normal? Se é normal passar tanto tempo com alguém na cabeça, se é normal se sentir tão bem pelo simples fato de saber que essa pessoa está.. Fico me perguntando se é normal gostar tanto de alguém como gosto de você.

Nadine Souza

segunda-feira, outubro 22, 2012

amor,o que é o amor?

Reações: 

“Amor, o que é amor? Não creio que possa realmente colocar em palavras. Amor é físico. Você compartilha alguma coisa, dá alguma coisa e recebe algo em troca, seja ou não casada, tenha ou não um filho. Perder a virtude não importa desde que você saiba que, enquanto viver terá ao lado alguém que a compreenda, e que não precisa ser dividido com ninguém mais!”

O Diário de Anne Frank.